STF DEFINE QUE CANDIDATA GESTANTE PODE REMARCAR TAF EM CONCURSO PÚBLICO

No caso em análise, candidata não compareceu ao exame físico, popularmente conhecido como TAF, que constitui etapa do certame para o cargo de Policial Militar do Estado do Paraná, em razão da gravidez de 24 semanas. O juízo da 4ª Vara da Fazenda Pública de Curitiba determinou a reserva da vaga para que o exame…

Leia mais