Inteligência Artificial

USO DO ONDE E AONDE

U

ONDE
A palavra “onde” é usada para se referir a um lugar, o equivalente a “em que”.
“Onde” é um advérbio de lugar e também pode exercer a função de pronome relativo, quando se refere a um lugar mencionado anteriormente na frase.

Exemplos:
“Onde há fumaça, há fogo.”
“O lugar onde estou é paradisíaco.”
“Onde você está?”
“Portugal foi o país onde vivi durante os anos 90.”

ATENÇÃO!
Não confunda lugar com tempo. É comum algumas pessoas usarem “onde” de forma equivocada:
ERRADO! Estávamos todos tristes naquele dia, foi onde percebi que ele fazia falta.
CORRETO! Estávamos todos tristes naquele dia, foi quando percebi que ele fazia falta.

AONDE
A palavra “aonde” é a combinação da preposição “a” com o advérbio ou pronome relativo “onde”.
A palavra “aonde” é formada pela união da preposição “a” e do advérbio ou pronome relativo “onde”.
Portanto: a + onde = aonde.

Exemplos:
“Aonde você quer chegar com essa atitude?”
“Aonde você vai?”
“O lugar aonde vou é lindo.”
“Vou aonde você for.”

Resumindo:
Onde: ideia estática (equivale, em geral, a “em que lugar”).
Aonde: ideia dinâmica (equivale, em geral, a “a que lugar”).

Materiais e cursos que indicamos:

Série Provas e Concursos – A gramática para Concursos Públicos, link aqui.

Foca na vaga: plataforma de estudo online que possui mecanismos de inteligência artificial que organizam e otimizam o estudo, programando revisões e sugerindo um ciclo de estudos automático.

Experimente por 7 dias grátis, ao se cadastrar você receberá materiais e Rodadas de questões gratuitas por e-mail.

Inteligência Artificial
Precisa de ajuda? Fale conosco